terça-feira, 20 de março de 2012

E fez-se outono em minha vida...

Hoje ocorre o equinócio de outono, quando dia e noite têm a mesma duração, quando fica mais fresquinho e quando estamos para finalizar o primeiro trimestre, nos encaminhando para o meio do ano. É um bom momento para verificar nossa primeira colheita e ver o que pode ser feito para melhorar.

Meu aniversário é um pouco antes do outono e sinto muito isso. Esse ano é especial, muita coisa ocorrendo ao mesmo tempo. Mudanças que já eram para ter acontecido há tempos estão acontecendo agora, na marra. Dói, mas é bom. Tenho dois anos para me preparar para chegar aos 40 do jeito que eu quero. Estou reaprendendo coisas que tinha esquecido, aprendendo novas e aprendendo a esquecer o que não me interessa. E, mais que tudo, aprendendo a ver as coisas de forma mais leve.



Na terça-feira passada, tinha reunião na escola do meu do meio. Como sabem, ele agora estuda em escola pública. E era reunião geral, com a diretora: auditório lotado, ainda sem ar condicionado (e era um típico dia de verão carioca). Para completar, atrasei um pouco para levá-lo à escola. E Felipinhho teria que ir junto, pois não havia ninguém para ficar com ele em casa. Mentalmente já fiz o discurso de que não poderia ficar, que depois, por favor, elas me repassassem o conteúdo da reunião. Estava me sentindo mal, talvez pressão baixa... Mesmo assim, coloquei o kit Felipinho na bolsa: biscoito, maçã, água e o celular, onde ele desenha, ouve música, joga (inclusive jogos que eu fico olhando com cara de pata, sem nem saber por onde começar)... Cheguei na escola uns 5 minutos atrasada somente, muito menos do que eu esperava. Entrei com o Felipe no colo, auditoório já lotado, como eu esperava. Oba! Alguém me cedeu o lugar! Assisti toda a reunião, Felipe praticamente tomou café da manhã no meu colo, reclamou algumas vezes, eu o abanei, a moça ao lado também abanava e ele se entreteve com o celular na maior parte do tempo. Consegui, inclusive, falar com a diretora alguns assuntos que estavam pendentes e dei duas sugestões que queria dar.

Na volta, ele conversou muito, como sempre, passou por vários tipos de flores no caminho, me dizendo a cor de todas elas. Me mostrou algumas coisas que chamaram sua atenção. Entramos na padaria para comprar pão, pois eu tinha saído sem comer nada. E meu lindo surpreende mais uma vez: faz questão de levar o saco de pão. Levou até em casa, não deixou eu tirar nem morto, rs! Um gentleman!!!

Assim como nesse post, Felipinho, quem eu chamo muitas vezes de "Minha Alegria", me ensina a viver com mais leveza e sem reclamações desnecessárias. Obrigada, meu bebê!!!




Update: Feliz Dia do Blogueiro para nós que compartilhamos histórias, informação e conteúdo e somos a nova mídia - colaborativa e livre!!!


Et Art Literature

6 comentários:

Roberta Berrondo disse...

Cris, estou com quase 39 e aos 38 tbm revi minha vida e percebi que não valia a pena levar tudo a ferro e fogo... tenho sempre procurado ver o lado positivo e Tem ME feito muito bem... ser leve é escolha... não escolhemos os problemas mas escolhemos como encara-los. Toda sorte do mundo nesta virada e que os 40 cheguem do jeitinho que vc sonhou

Falou, tchau! disse...

Que lindo o Felipinho! As crianças tem esse dom né! Fazer nossa vida mais alegre e radiante! Que bom que participou da reunião né!? É bom para acompanhar ainda melhor a educação do seu filho! Beijosss #amigacomenta

Dany disse...

Eu tô chegando aos 30 e tb tô revendo muita coisa. Sei lá, mas parece que essa "virada" na idade mexe com a gente. Isso é bom.
Cris, tudo de melhor pra vc!!!

Carol Baggio disse...

Cris,
Compartilho do mesmo sentimento, de que filhos dão leveza a nossa existência e nos fazem ver a vida com outros olhos, muito mais felizes, por sinal.
Aproveite a fase pré-40 e comemore muito a vida, q é uma só e vale muito a pena quando a gente tem por perto quem amar e que nos ame!
um bj

Mônika Lovera disse...

Os filhos ensinando a gente...isso tb acontece por aqui e qndo acontece me dá um orgulho!!! Aquela coisinha pequena me dando lições sem nem saber. Coisa linda!

Beijos
#amigacomenta
maebivolt.blogspot.com

Rose Misceno disse...

O passar dos anos nos ensina muita coisa! Tem gente que consegue aprender, outras passam por ele sem aprender nada!
E o Felipinho é um lindão!!! E com certeza está te ensinando muita coisa!

Beijão.
#amigacomenta
http://www.vidademaejestade.com/

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...