domingo, 12 de fevereiro de 2012

Bye, Whitney!!!!


Falar de Whitney Houston é falar de boa parte da minha adolescência. Suas canções embalaram festas, sonhos, romances... Era fã de sua voz e de sua interpretação.


Sobrinha de Dionne Warwick e afilhada de Aretha Franklin, Whitney era Diva, com D maiúsculo. Linda, voz poderosa. Mas não tinha controle sobre sua vida pessoal e apelou para as drogas. E, muito provavelmente, foram as drogas que levaram mais uma vida precocemente. Ela estava retornando aos poucos, tentando superar suas mazelas. Mas, como dizem por aí, a vida não é para amador e, muitas vezes, tentar somente não adianta.

Muitos de nós não aguenta ficar desperto o tempo todo. Precisa de algo para sair da realidade. Precisa de algo em excesso para ajudar a fugir. Mas o acaso não protege quem anda distraído. Quem não tem controle sobre sua vida, é levado pela enxurrada e o resultado disso normalmente é desastroso. "Quando perdemos o controle de nossa vida, qualquer força pode tomar conta de nós", disse, com muita sabedoria, a amiga Denise Lopes, hoje, pelo Facebook.

Se fica uma mensagem disso tudo, é a de que temos que ter controle. Sobre nós mesmos e sobre nossas vidas. "Deixar a vida nos levar", pode nos levar a algum lugar indesejado. E, se ficarmos parados no mesmo lugar, a vida segue seu curso sem nós.

Mas hoje não quero julgar nem chorar por Whitney. Só quero ouvir sua música. Um dueto dela com a Amy seria interessante e bonito de ver...

Reuters

Um comentário:

Mãe do Theo disse...

Linda voz..linda não, perfeita!!Muito triste o que as Drogas fazem com pessoas tão incríveis =(
Mãe do Theo
#amigacomenta

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...